Blog

A importância da disciplina para conquista metas

Compartilhe:

Pelo menos em algum momento das nossas vidas, todos nós já pensamos assim: “ah, amanhã eu faço isso. Hoje estou cansado”, ou “hoje eu tenho tanta coisa para fazer. Amanhã faço com mais calma”. É natural. O ser humano só tem vontade nata de realizar as atividades que dão prazer, como, por exemplo, comer e descansar.

Quando a tarefa é algo que pareça chato e sem graça, é absolutamente normal adiar a atividade diversas vezes. Talvez a vontade de realizá-la nunca chegue. E, se for esperá-la, pode ser que fique parado para sempre e nunca alcance seus objetivos.

Prioridades e disciplina

A capacidade de fazer coisas que não gostamos tanto ou de abrir mão de alguma coisa mais divertida em detrimento de algo mais cansativo é um dos fatores que diferenciam as pessoas que tem sucesso daquelas inertes que apenas reclamam. E, para desenvolver plenamente essa habilidade entra, antes de tudo, a autodisciplina.

disciplina

Renato Russo já dizia que disciplina é liberdade. Apesar de disciplina parecer algo repressor, algo que te remete a realizar tarefas que você ache enfadonhas ou chatas, na verdade, ter disciplina é libertador. Disciplina tem a ver com ordem, não aquela repressora, mas construtiva, porque representa comprometimento.

Origem do termo disciplina

Em latim, a palavra disciplina significa ensino – tanto que, na escola, é ministrada a disciplina de matemática, a de português, e assim por diante. Na Grécia antiga, os pensadores gregos tinham discípulos que nada mais eram do que aprendizes. Ou seja, a disciplina tem mais conexão com aprendizado do que com obrigação. No sentido pessoal, a disciplina aumenta a capacidade de aprender e, então, o próximo passo é realizar. Quem se disciplina se torna mestre e discípulo, ou quem tem disciplina vira mestre de si mesmo, o que é bem libertador.

Receita para o sucesso

Perseverança, esforço, dedicação, talento – todos esses são ingredientes importantes na receita para o sucesso. Porém, o mais importante, impreterivelmente, é a disciplina, é a habilidade de cumprir uma tarefa mesmo que não goste dela, que não tenha vontade. Sem disciplina é impossível cumprir qualquer meta. Desenvolver a disciplina é se tornar responsável, sério, com clareza de propósitos e alcançar resultados que alimente a motivação. Assim, podemos atingir qualquer objetivo traçado na nossa vida.

disciplina

Em resumo, disciplina é como você lida com as suas responsabilidades. É decidir o que deve ser feito e, a partir disso, fazer. É uma virtude extremamente importante, uma qualidade que abre portas e permite que a pessoa desenvolva outras qualidades. Quando deixamos a disciplina de lado na nossa vida, acabamos tendo problemas. Pessoas mais disciplinadas são mais produtivas e, normalmente, estão acompanhadas e com gente ao redor, porque transmitem confiança.

Qualquer pessoa é capaz de ter autodisciplina. Quer uma prova? Feche os olhos durante cinco segundos. Pronto. Ter autodisciplina é controlar o que quer fazer e deve fazer. Claro que os níveis variam de pessoa para pessoa, no entanto, todo mundo, se quiser, pode começar a desenvolver sua própria disciplina. É importante saber que não é algo rápido, que acontece da noite para o dia. Existem muitos altos e baixos durante o processo. O importante é manter o otimismo acima de tudo.

A importância da motivação

A disciplina está intimamente ligada com motivação, o motor propulsor para conseguir atingir qualquer objetivo. Por isso, mentalize bons pensamentos, pois a qualidade de pensamento vai controlar os seus sentimentos e influenciar positivamente as suas atitudes. Se você sempre se lembrar de que tal coisa é chata, vai se tornar chato. Pense sempre no lado favorável, que sempre existe, para você produzir um sentimento positivo que ajude a colocar a tarefa em prática. Pense em como pode ser bom para você, e faça.

Você nunca vai ter vontade de fazer ginástica, porque é natural do ser humano acumular energia para longos períodos de dificuldade. Porém, se você mentalizar que a ginástica faz bem para seu corpo, melhora o humor e a qualidade de vida, é um incentivo para levantar do sofá e ir. E quando começa a fazer, é mais fácil ainda. Você pensa “nossa, como está bom aqui!”. Comece a fazer e a vontade chega, porque a ação sempre precede a emoção. Toda a questão da disciplina passa por esse aspecto, apenas obedecer a ordens que você mesmo se dá. E decida sempre as ordens certas.

Francisco Santos

Master Coach

Presidente do Instituto Fragatha

Veja também: A importância da cultura de Coaching para as organizações

Gostou da matéria? Deixe um comentário logo abaixo!

Imagens: Pinterest

Compartilhe: